Característica

Diferente do injetável mensal, o injetável trimestral é um método só de progestagênio. Tem na sua formulação o acetato de medroxiprogesterona. O efeito dura cerca de três meses e o retorno da fertilidade pode ser demorado e imprevisível.

Posologia

Você deverá aplicar em uma farmácia com a apresentação da receita médica. A aplicação da injeção é intramuscular e a primeira dose precisará ser entre o primeiro e o quinto dia da menstruação. A segunda dose e as subsequentes deverão ocorrer em intervalos de 12 a 13 semanas, sendo no máximo a cada 13 semanas (91 dias).

Eficácia

Tem alta eficácia e pode ser usado 21 dias após o parto ou aborto e por mulheres que estejam amamentando. O mecanismo baseia-se no bloqueio da ovulação, transformação endometrial e espessamento do muco cervical. Indicamos o injetável trimestral para mulheres que não podem ou não querem usar estrogênios.

Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns são: menstruação irregular ou ausência de menstruação, acne, dor nas mamas, dor de cabeça, alterações de humor, aumento do peso.

Contraindicações

Assim como para outros métodos só de progestagênio, as contraindicações incluem icterícia (cor amarela da pele) ou doença do fígado grave, câncer dependente de progestagênios, algum sangramento vaginal de origem desconhecida e gravidez suspeita ou confirmada.

Mais Informações

Clique sobre o card do método para mais detalhes.

Veja
Também

Todas as Postagens

ler conteúdo

O Bom da Pílula – Pílula e Menstruação

Quer saber mais sobre a relação entre anticoncepcionais e a menstruação? Confira!  


ler conteúdo

O Bom da Pílula – Esquecimento da Pílula

O esquecimento do uso das pílulas. Saiba mais!

© 2020 #vamosdecidirjuntos - todos os direitos reservados.